MENU

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Trânsito de Itaituba: a falta de consciência continua

Na tarde de ontem, por volta das 17h40, no cruzamento da 5ª rua com a travessa Lauro Sodré, mais um acidente. Aparentemente não havia risco de mote para a mulher que pilotava a moto que foi batida pelo taxista Ilson, conhecido por "indio", ao avançar a preferencial, por falta de atenção ou desconhecimento das vias de Itaituba. Mas não se pode isentar o taxista que também demostrava desrespeito às leis de trânsito, e parece que passou despercebido pelo pessoal do Contrim o fato do taxista estar de sandália e possivelmente, ter sido fato a contribuir para o acidente. Se o taxista estivesse andando com atenção certamente teria, no mínimo, tentado parar o carro, usando o freio, o que não foi possível perceber pois não havia sinal de frenagem no asfalto.  E se ele tentou frear, o fato de estar dirigindo de sandália pode ter impedido de efetuar o movimento adequado. E ainda se não estivesse correndo dificilmente teria passado mais da metade do carro por cima da moto.
taxista "índio" (de azul, encostado no carro) aguardando pessoal do órgão de trânsito


A vítima estava consciente no momento do atendimento do SAMU. Apesar do choque forte que sofreu, além do corte profundo no calcanhar ela parecia calma ao ser atendida.

≤≥ blog RPI  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

colabore: envie seu comentario para o blog