MENU

sábado, 24 de janeiro de 2015

Mais um envolvido em crimes é morto em Itaituba

Por volta das 07h30 de ontem (23/01) o serviço 192 atendeu uma ocorrência de esfaqueamento na 8ª rua com a 7ª travessa do bairro da Liberdade. Mas ao chegar no local constatou que a vítima já estava em óbito  e pediu a presença da PM, que se deslocou para o local e passou a preservar a cena do crime, que já já havia sido alterada por um dos suspeitos, filho do dono da casa, que jogou o morto da cama e lavou a faca que teria sido usada no crime. O menor de iniciais O.G.N foi apresentado na 19ª Seccional suspeito de envolvimento no crime, apesar das negativas de autoria ou participação. Também foi apresentado Alessandro Sousa Matias, 23 anos, que estaria dormindo na mesma cama que vítima, segundo depoimento dado por ele na delegacia, mas quando acordou Tiago Batista Silva, 18, já estaria morto, pois teria o chamado para ir embora e saído correndo ao perceber o que tinha acontecido com o colega. Os dois suspeitos disseram que estavam em quatro pessoas pela manhã, mas somente o OGN e um outro menor que fugiu estariam acordados. No depoimento o jovem morador da residência onde ocorreu o crime disse que antes das sete saiu da casa para comprar pão e ao retornar demorou para perceber o que tinha acontecido. Tendo ido a  cozinha botado comida e passado a comer de uma galinha que ele havia preparado para os colegas. Porém não soube explicar porque não notou o crime se tinha se ausentado por poucos e minutos e ao sair deixara um colega acordado esperando por ele. Disse que comia quando resolveu ir ao quarto onde estava a vítima e se deparou com a cena de horror de Tiaguinho sangrando muito e sujando o colchão da cama da sua irmã. Então jogou o corpo no chão e pegou a faca e lavou colocando em seguida ao lado do corpo. Alguns pontos dos depoimentos dos dois que foram apresentados não se coadunam. O menor afirma que saci estava dormindo no outro quarto da casa, mas saci afirma que dormia na mesma cama que dormia a vítima. Também não se confirmam quando o menor diz que chamou saci e contou da situação ocorrida  com Tiago enquanto esse disse que acordou e chamou Tiago para irem embora e só então percebeu que ele estava morto. Os envolvidos no caso são velhos conhecidos da polícia com várias passagens por vários delitos. A residencia é local de reunião para ladrões praticantes de furtos e roubos. Por várias vezes a polícia visitou o local atrás de seus ocupantes.




O perito disse que foram duas furadas. Uma de cada lado do pescoço, porém parece possível a furada tenha atravessado o pescoço e provocado duas perfurações
≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba

Nenhum comentário:

Postar um comentário

colabore: envie seu comentario para o blog