MENU

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Governo reduz valor de seguro DPVAT para 2017

No próximo ano, os proprietários de veículos irão pagar a taxa do seguro DPVAT mais barata. O motivo é tornar mais eficiente o seguro

Os valores do Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre, conhecido popularmente como Seguro DPVAT, serão reduzidos em 2017. A mudança foi anunciada nesta quarta-feira, 21, pelo Diário Oficial. Os proprietários de carros, menos as picapes, irão pagar R$ 63,69. Em 2016 o valor cobrado era de R$ 101,10.
Os motociclistas foram ainda mais beneficiados pela mudança, com uma economia de R$ 106,1. Antes o valor era de R$ 286,75 e passou a ser de R$ 180,65.
Para emissão do seguro, será cobrado ainda um valor de R$ 4,15para todas as categorias. Caso opte por parcelar, o valor sobe para R$ 9,63.

Os valores correspondentes a indenização não sofreram alterações em relação a este ano. Continua sendo R$ 13.500 por morte, até R$ 13.500 por invalidez permanente e até R$ 2.700 para despesas médicas.
A redução da arrecadação de recursos dos proprietários de veículos visa tornar os recursos arrecadados mais eficientes, em vista do pagamento de despesas suspeitas apontadas pelo Tribunal de Contas da União.
DPVATO DPVAT é um seguro que garante ao condutor uma indenização em casos de mo0rte, invalidez permanente ou despesas com assistências médias e suplementares, como lesões de menor gravidade. O pagamento da indenização é realizado em conta corrente ou em poupança da vítima ou de seus beneficiários em um prazo de 30 dias, após a apresentação da documentação.
A solicitação do seguro pode ser feito em até três anos depois do acidente para casos de morte ou reembolso de despesas médicas e hospitalares. Já nos casos de indenização por invalidez permanente, o prazo de solicitação é de três anos a partir do momento em que está ciente da invalidez da vítima. Os recursos são financiados pelos proprietários dos veículos por meio do pagamento do seguro anualmente.
RPI com Redação O POVO Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

colabore: envie seu comentario para o blog