MENU

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Morte brusca do Sargento Araujo de Itaituba deixa de luto a Polícia Militar

Neste domingo (15), por volta das 23 horas, na travessa Justo Chermont com a 5ª rua da cidade baixa um acidente trágico para PM e de perda para a segurança pública do estado. Um carro que estaria com o farol apagado atropelou e levou á morte o sargento Araújo. 1º SGT PM Carlos Araújo da Silva Almeida, 42 anos de idade, 23 anos à serviço da Polícia Militar do Pará, instituição que ele serviu com orgulho. Ele foi socorrido pelo serviço de emergência, mas foi atingido em cheio e teve ferimentos gravíssimos e faleceu pouco tempo depois de dar entrada na emergência do Hospital Municipal.
O condutor do veículo que atropelou e matou o sargento Araújo, Yan Bogéa Coutinho, 18 anos, se apresentou à Polícia Civil na manhã de hoje e foi encaminhado ao presídio de Itaituba, aguardando decisão do juiz Sidney Pomar Falcão a cerca do Auto de Prisão em Flagrante. Ele foi ouvido na Delegacia da Mulher na presença do delegado superintendente Vicente e de seu advogado José Luís Pereira na manhã de hoje. A expectativa do advogado que representa os militares é que seja decretada a prisão preventiva, visto que Yan não possui CNH e, segundo testemunha, estaria trafegando com os faróis apagados, razão pela qual dificultou ser visto pela vítima. 
≤≥ blog RPI 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

colabore: envie seu comentario para o blog