MENU

terça-feira, 6 de junho de 2017

Mãe e padrasto são acusados de provocar morte de criança de 10 anos em garimpo de Itaituba


Por volta das 19 horas do domingo, 4 da junho/2017, no garimpo Mamoal, faleceu Danielle Moraes Lucas, 10 anos, de problemas estomacais, segundo seus responsáveis relataram no posto de saúde de Moraes Almeida. Depois de denúncias de familiares que residem em Itaituba, de que Charlene  da silva Moraes, mãe da garota e o padrasto Reinaldo Ferreira de Souza, teriam espancado a criança, o delegado Conrado determinou que o corpo fosse encaminhado para Itaituba para passar por necropsia no IML de Itaituba, já que os peritos não podiam se deslocar até o local.  Na delegacia os, agora, acusados negaram terem espancando a vítima, porém, de acordo com o delegado Conrado, a conclusão dos exames realizados no IML indicam que a morte teria sido em decorrência de lesões internas que podem ser decorrentes de espancamento.

Informações do garimpo onde faleceu a menina indicam que ela estava isolada, sem poder sair da casa, levando a acreditar que queriam impedir que moradores da localidade descobrissem a situação que estava a garota, resultando no agravamento e consequente morte.
≤≥ Blog RPI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

colabore: envie seu comentario para o blog