MENU

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Ponto perigoso para os motoristas que trafegam pela transamazônica em Itaituba

Um ponto que exige muito a atenção dos motoristas que trafegam pera pela BR - 230, sentido Jacareacanga fica na entrada do residencial Viva Itaituba, tanto para quer entrar para o bairro ou segue na BR, no Km 06. Quem está na baixa não tem visão de quem está vindo sentido contrário e vice-versa. Para um motorista em situação normal com atenção é perigoso, imaginem se o condutor tiver bebido umas duas. É preciso que se diminua o risco, desnecessário, que se corre naquele local e como o BEC deverá iniciar (o BEC fez pose para foto, tapou alguns buracos e nada mais), possivelmente ano que vem, um serviço neste trecho, pode resolve-lo definitivamente, mas até lá tenha muito cuidado!  
 
 
 



≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba

Portos de Miritituba: Nova rota de grãos pelo norte do país


(Reuters)
Uma rodovia ainda inacabada que corta o Pará de sul a norte, pelo meio da floresta amazônica, começa a estimular investimentos em terminais portuários na região e deve escoar nos próximos meses milhões de toneladas da produção brasileira de grãos, na primeira novidade logística do agronegócio brasileiro em muitos anos.
A expectativa é que em 2014 o volume de grãos escoados pela BR 163 multiplique em dez vezes as cerca de 300 mil toneladas de 2013.
Após passar quase quatro décadas sem asfalto, obras de pavimentação realizadas nos últimos anos tornaram a estrada minimamente transitável, permitindo o acesso dos caminhões a terminais existentes e em construção em importantes rios da região, como o Tapajós e o Amazonas.
Do norte de Mato Grosso --principal região produtora do país-- até Santarém (PA), às margens do Rio Amazonas, são cerca de 1.000 quilômetros de rodovia. Para o escoamento da safra 2013/14, que começa no primeiro trimestre do ano que vem, a expectativa dos produtores é que faltem cerca de 300 a 400 quilômetros ainda sem asfalto.
"Não vai resolver porque ainda é o começo. Mas o mais importante é que está definitivamente havendo escoamento pelo norte do país", disse o presidente da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso (Aprosoja MT), Carlos Fávaro.
Em Santarém já existe, há 10 anos, um terminal da Cargill , mas os navios são carregados com grãos que chegam principalmente de barcaças provenientes de Porto Velho (RO). A possibilidade de trazer mais grãos, agora de caminhão, deve elevar a movimentação do terminal.
"A BR 163 tem algum movimento, mesmo que 400 quilômetros ainda precisem ser asfaltados", disse o diretor de portos da empresa Clythio Buggenhout. "A estrada está agora relativamente viável."
Usualmente, a Cargill movimenta 1,3 milhão de toneladas de grãos em Santarém, quase tudo vindo de Rondônia pelos rios, mas em 2014 o volume pode chegar a 2 milhões devido à maior capacidade da estrada que vem de Mato Grosso, disse ele.

De Santarém, os navios saem pelo Rio Amazonas direto para o oceano. A rota dos navios rumo a Europa e à China (pelo Canal do Panamá) fica mais curta, sem falar do frete rodoviário que cai pela metade na comparação com o caminho habitual de 2.000 quilômetros entre o norte de Mato Grosso e os superlotados portos de Santos (SP) e Paranaguá (PR).
Mas há um problema com a rota pelo Amazonas, lembra Edeon Vaz, coordenador do Movimento Pró-Logística, organizado por entidades de produtores de Mato Grosso.
O maior rio do mundo em volume de água carrega um imenso volume de detritos, que tornam sua foz, no encontro com o Atlântico, rasa demais para grandes navios.
"Provoca assoreamento e é impossível de dragar", disse Vaz.
A capacidade máxima das embarcações que saem pelo Amazonas é de 47 mil toneladas de grãos, de pequeno a médio porte.

ATALHO

Para contornar a limitação da foz do Amazonas, quase uma dezena de empresas já está investindo em outra rota fluvial, que tem no pequeno distrito de Miritituba, no município de Itaituba (PA), sua peça central.
Miritituba também é abastecida pela BR 163, mas fica 300 quilômetros mais perto de Mato Grosso do que Santarém. O trecho sem asfalto também é menor: pouco mais de 150 quilômetros.
Seis grandes empresas do agronegócio já compraram terrenos no local, às margens do Rio Tapajós, para fazer o transbordo dos grãos, que serão tirados dos caminhões e colocados em barcaças.
"A cada 8 meses, após janeiro de 2014, deve surgir um novo terminal", afirmou o presidente Associação dos Terminais Privados do Rio Tapajós, Kleber Menezes.
Ao mesmo tempo, as empresas constroem perto do litoral terminais para receber as barcaças e colocar os grãos em navios de grande porte. O local preferido é Vila do Conde, na região metropolitana de Belém (PA).
Diferente da foz do Amazonas, a saída por Vila do Conde já permite atualmente navios de 70 mil toneladas. A capacidade pode chegar a 120 mil toneladas com uma dragagem que está planejada para a região, segundo Vaz, do Movimento Pró-Logística.
A primeira empresa a operar será a Bunge, disse ele. Os terminais em Miritituba e em Vila do Conde estão praticamente prontos. A capacidade final será de 3 milhões de toneladas movimentadas por ano.
"Ela começa a operar na próxima safra", garante Vaz. "Deve operar 2 milhões de toneladas em 2014, devido a ajustes operacionais".
Procurada pela Reuters, a Bunge não quis se manifestar.
Somadas as movimentações previstas para os terminais da Bunge e da Cargill, a BR 163 deverá escoar o equivalente a 3 por cento da safra de soja de 2013/14, projetada para um recorde de 88 milhões de toneladas. Nada mau para uma rota que até então movimentava volumes irrisórios.

"A BR 163 já 'acontece' na próxima safra", avaliou o coordenador do Pró-Logística.


IMPACTOS FINANCEIROS

Muitos produtores rurais têm esperado pelo asfaltamento da BR 163 desde que migraram para Mato Grosso, mais de 30 anos atrás.
A rota norte, pela rodovia, deve provocar uma queda de 34 por cento no custo de frete "entre a lavoura e o navio" para os produtores rurais do Estado, nos cálculos da Aprosoja MT.
A média do frete na última safra foi de 130 dólares por tonelada, chegando a 152 dólares nos momentos de maior fluxo.
A expectativa dos produtores é que boa parte desta economia possa ser convertida em maior margem de lucro.
"Nós, ao exportarmos pela via errada, que é Santos e Paranaguá, estamos tirando competitividade de quem produz em São Paulo, e no Paraná, porque entulha o porto, dá 'demurrage' (multa por atraso). Todo o país vai ganhar", disse Fávaro, da Aprosoja MT.
Após uma primeira safra com escoamento de cerca de 3 milhões de toneladas em 2014, as entidades de Mato Grosso esperam 6 milhões em 2015 e 12 milhões já em 2016. Se o volume for atingido, a BR 163 deverá registrar 300 mil viagens de caminhões com grãos em apenas um sentido a cada safra, ou 600 mil carretas se incluídas as viagens de retorno.
"E daí a BR 163 vai ficar saturada", projeta Edeon Vaz.
O vaivém de cargas também deverá dar fôlego às contas do governo do Pará.
A estimativa da Associação dos Terminais Privados do Rio Tapajós é de que cada terminal em Miritituba deverá gerar 59 milhões de reais em ICMS para o Estado por ano, apenas com o consumo de óleo diesel dos caminhões.
≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Dieese: 13º salário deve injetar R$ 143 bilhões na economia

Jornal do Brasil 

Até dezembro de 2013 devem ser injetados na economia brasileira pouco mais de R$ 143 bilhões em decorrência do pagamento do 13º salário. Este montante representa aproximadamente 3% do Produto Interno Bruto (PIB) do país e será pago aos trabalhadores do mercado formal, inclusive empregados domésticos; aos beneficiários da Previdência Social, e para aposentados e beneficiários de pensão da União e dos estados. Cerca de 82,3 milhões de brasileiros serão beneficiados com um rendimento adicional de R$ 1.740, em média, segundo estimativas do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).
Os valores estimados pelo Dieese levam em conta dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ambos do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Também foram consideradas informações da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), referente a 2012, e informações do Ministério da Previdência e Assistência Social (MPAS) e da Secretaria Nacional do Tesouro (STN).

domingo, 27 de outubro de 2013

Enem tem abstenção de 29%; resultado oficial sai em janeiro

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2013 teve um índice de abstenção de cerca de 29%, segundo dados preliminares. Dos mais de 7,1 milhões de inscritos, cerca de 5 milhões de candidatos compareceram aos dois dias de provas. O resultado será divulgado na primeira semana de janeiro.
No ano passado, o Enem teve um índice de abstenção de cerca de 28%.
Segundo o ministro Alozio Mercadante (Educação), o exame foi um "grande êxito" e que não há indícios de vazamentos nas provas. "A segurança foi muito eficiente. Não houve qualquer vazamento para dar igualdade de qualquer", afirmou.
Durante a coletiva, o ministro lamentou alguns incidentes registrados no fim de semana, como a morte de um rapaz em Varginha (MG), vítima de um acidente de trânsito quando estava a caminho do Enem.
"O lado mais triste do Enem foi a morte de um participante, um jovem de 26 anos, que estava indo para o exame e uma carreta na contramão colidiu com a moto. Ele estava buscando a certificação do ensino médio", disse o ministro.
Mercadante também mencionou o caso de duas gestantes que tiveram contração durante o exame. Uma delas, deu à luz ontem, em Teresina (PI) e o outro caso foi registrado no Rio de Janeiro, neste domingo. "Apesar das fortes contrações [a gestante] fez questão de terminar a prova. Teve uma médica assistindo"
Durante os dois dias de provas, 36 inscritos foram desclassificados por postarem imagens do exame em redes sociais --sendo 12 na avaliação de hoje e 24 nas provas de ontem.
Mercadante informou que o número ainda pode crescer porque o sistema de monitoramento continua para avaliar se houve compartilhamento durante as provas. A eliminação pode ocorrer a qualquer tempo, de acordo com as normas do Exame. Segundo o ministro, foram avaliados cerca de 2 milhões de twitters.
"Não podemos permitir que ninguém ingresse numa vaga não tendo respeitado as regras de um concurso", disse.
O ministro contou que um radialista de Unaí (MG) foi levado para a delegacia e vai por tentativa de prejudicar concurso público porque ele começou a tirar fotos da prova e tentou deixar o local, o que é vedado. "Não tenho todos os detalhes. Ele foi algemado, foi feito boletim por tentar violar o sigilo da prova".
No ano passado, 65 candidatos foram eliminados por postarem fotos na rede social quando já estavam no local de prova.
O ministro comentou ainda repercussão nas redes sociais de questão de sábado em que aparecia a palavra 'gasolina', grafada com Z. "Nós tínhamos ali uma charge de 1960 que contextualizava exatamente o tema da pergunta. E que estimulava uma certa reflexão da história. Não só gasolina estava com Z (...) como em seguida tem um jeca que usa [a expressão] doutô. Você está lidando com uma linguagem artística, respeita a obra", argumentou.
fonte: Folha de S Paulo 

Video que mostra a agressão ao coronel da PM de São Paulo


Um vídeo veiculado no Youtube mostra a agressão sofrida pelo coronel da PM Reynaldo Simões Rossi, comandante da região central de São Paulo, durante o protesto que terminou com confronto, atos de violência e 92 pessoas detidas na noite de ontem. O policial quebrou a clavícula.
A agressão ao PM ocorreu na entrada do Terminal Dom Pedro 2º, centro da capital paulista. Em meio ao tumulto, um grupo de mascarados cercou o comandante e passou a agredi-lo com socos e pontapés. Ele foi derrubado, mas conseguiu se levantar. Neste momento, um dos mascarados golpeou o policial na cabeça usando uma chapa de ferro.
O coronel foi socorrido por um policial do serviço reservado da PM, vestido como se fosse um manifestantes, que afastou os agressores com uma arma em punho. Amparado por colegas, ele andou até um carro da PM, que o levou para o Hospital Clínicas.
O universitário Paulo Henrique Santiago dos Santos, 22, foi preso e indiciado sob suspeita de tentativa de homicídio do coronel. Segundo a polícia, ele foi identificado pelas imagens. Ele foi levado ao 1º DP (Liberdade) e depois levado ao 2º DP (Bom Retiro), onde permanece neste sábado.
A polícia afirmou hoje que o rapaz ainda será transferidos para o CDP (Centro de Detenção Provisória) do Belém. Um outro rapaz também está sendo investigado e é suspeito de participar do espancamento ao coronel da PM. Sem flagrante, o rapaz prestou esclarecimentos à polícia neste sábado e foi liberado em seguida.
Além dele, sete adultos continuam presos depois do protesto e outros três menores apreendidos. Os adolescentes já foram encaminhados para a Fundação Casa e os adultos permanecem no 2º DP. suspeitos de damos a patrimônio, roubo, associação criminosa, entre outros.

sábado, 26 de outubro de 2013

Coronel da PM é espancado por mascarados durante protesto em SP

O coronel da PM Reynaldo Simões Rossi foi espancado por um grupo de cerca de dez manifestantes adeptos à tática “black bloc” que pregam o dano a patrimônio como protesto, durante o ato que terminou em confronto e vandalismo na região central de São Paulo, nesta sexta-feira. O policial foi atingido na parte de trás da cabeça e teve a clavícula quebrada.
O soldado que trabalha como motorista do coronel,usando uma arma para ameaçar os vândalos, conseguiu retirar a vítima do meio dos agressores.
Enquanto era socorrido, o coronel fez um apelo aos gritos a um subordinado que ficou no local. “Segura a tropa, não deixa a tropa perder a cabeça”.
Por volta das 22h50, os manifestantes já tinham dispersado. Ao menos 78 foram detidos no ato.
Fonte: Folha de S Paulo
≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba

MEC elimina 21 candidatos por postar fotos do Enem em redes sociais

O Inep (Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais) informou que até as 15h deste sábado (26), 21 participantes da prova do Enem haviam sido eliminados por postarem fotos de cartões de resposta da prova em redes sociais.
A aplicação das provas começou às 13h de hoje (horário de Brasília) em todo o país. Esse é o primeiro dia do exame. A outra prova acontece amanhã, no mesmo horário.
Após atraso para o Enem, candidatos choram e até acionam a PM
Ontem, o ministro Aloizio Mercadante (Educação) prometeu mais rigor contra eventuais vazamentos em redes sociais. No ano passado, 65 inscritos foram eliminados por essa situação.
"Temos um monitoramento eficiente. No ano passado, em questões de minutos identificávamos quando um participante postava uma foto. Vamos manter esse acompanhamento", disse Mercadante.
O sucesso do Enem deste ano é fundamental, na avaliação do governo, para enterrar de vez as críticas à organização do exame, usado hoje na seleção de universidades de todo o país, inclusive todas as federais. O Exame tenta deixar para trás o histórico de problemas.
No passado, a realização do exame já passou por falhas de segurança. Em 2009, a prova foi furtada da gráfica que a imprimia por um funcionário do consórcio Connasel, contratado para aplicar o Enem. O exame foi cancelado e uma nova prova foi aplicada aos inscritos.
Em 2011, alunos do Colégio Christus, no Ceará, receberam, antes do Enem, material com questões que caíram na prova. Elas estavam em um pré-teste do MEC aplicado na escola em 2010 para verificar o nível de dificuldade da prova e, de acordo com a Polícia Federal, foram copiadas.
Reprodução
Fotos da prova do Enem nas redes sociais
Fotos de cartões de resposta do Enem divulgadas nas redes sociais durante a realização da prova neste sábado (26)
PROVA
O Enem 2013 será realizado neste sábado (26) e domingo (27), a partir das 13h (horário de Brasília). O exame é formado por uma redação e quatro provas objetivas, contendo cada uma 45 questões de múltipla escolha.
No primeiro dia de aplicação do Enem, serão realizadas as provas de ciências humanas e suas tecnologias e de ciências da natureza e suas tecnologias, com duração de quatro horas e meia.
No segundo dia, serão realizadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática e suas tecnologias, com duração de cinco horas e meia.
Ao todo, 7,1 milhões pessoas se inscreveram no Enem neste ano --um recorde desde o surgimento do exame, em 1998. A previsão é de que os gabaritos do exame sejam divulgados na próxima quarta-feira (30). A prova é utilizada atualmente na seleção de todas as universidades federais, pré-requisito para o acesso a programas como Ciência sem Fronteiras, Prouni e Fies, e certifica conclusão do ensino médio.
Fonte: Folha de S Paulo

Estudantes estão fazendo a prova do Enem


Agência Brasil 

"Bom dia para você que não dormiu pensando na prova do Enem", disse uma usuária do Twitter. Outro usuário, mais tranquilo, apela para o Divino: "DICA PARA O ENEM: na dúvida marque D de Deus e vai na fé".
No microblog não faltam desejos de boa prova. As recomendações do que levar, do que comer também estão entre os textos mais postados. A presidenta Dilma Rousseff, que ontem (25) terminou o dia desejando boa sorte aos candidatos, começou o dia falando do exame. Ela relembrou que a nota do Enem é usada em programas que oferecem vagas no ensino superior público - Sistema de Seleção Unificada - e no ensino privado - Programa Universidade para Todos, além de dar ao candidato uma chance de estudar no exterior pelo Programa Ciência sem Fronteira. "Confie em si mesmo. O Brasil confia em você. Boa sorte! #Enem2013", disse.
Em casa, Maria, de 19 anos, estava ansiosa, ela mal dormiu. "Fiquei acordando a noite toda, ansiosa", disse. A estudante acaba de voltar de intercâmbio nos Estados Unidos, onde cursou o 3º ano do ensino médio. Ela voltou ao Brasil em julho deste ano. Desde então, entrou em um cursinho preparatório. "Algumas coisas eu não tinha visto, mas muito eu já tinha estudado aqui no Brasil, o cursinho serviu para relembrar". A estudante pretende usar a nota do exame para cursar relações internacionais.
A irmã, Vitória, de 18 anos, estava mais tranquila. Ela cursa nutrição em uma universidade particular e pretende usar a nota do Enem para disputar uma vaga do mesmo curso em universidade pública. Para se preparar para a prova, ela usou o material do cursinho de Maria. "Vou fazer o meu máximo e pronto".
As duas farão provas em locais diferentes. Elas planejam sair de casa antes das 12h. Maria diz que mesmo conhecendo a cidade, fez questão de refazer o caminho do local de prova. Os portões abrem às 12h e às 13h a prova começa. O horário é o de Brasília.
Neste sábado, a prova terá a duração de quatro horas e meia e os candidatos vão responder a questões de ciências humanas - história, geografia, filosofia e sociologia - e de ciências da natureza - química, física e biologia. No total, são 90 questões.

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Reabertas as inscrições para o concurso da Prefeitura de Itaituba (edital corrigido)

ATUALIZADO 16/01

CARTÃO DE INSCRIÇÃO: http://concursos.fadesp.org.br/pmi2013/web/index_imp.php

 

Concurso adiado

Atualizado 13/12/2013

As inscrições foram reabertas e a data da realização das provas alterada conforme novo edital
veja

Será admitida somente a inscrição online (via Internet) no endereço eletrônico http://www.fadesp.org.br, solicitada no período entre 18h do dia 24 de outubro de 2013 até às 23h59 do dia 13 de janeiro de 2014. O pagamento da taxa de inscrição por meio de boleto bancário deverá ser efetuado até o dia 14 de janeiro de 2014. Após o acatamento da inscrição e sua respectiva confirmação, será disponibilizado ao candidato o cartão de inscrição contendo o local da realização da prova objetiva no site da FADESP, no endereço eletrônico www.fadesp.org.br, no período de 16 de janeiro a 20 de janeiro de 2014. Ressalte-se que é de inteira responsabilidade do candidato a emissão do seu cartão de inscrição no período retro citado.





A Prefeita Municipal de Itaituba-PA, no uso de suas atribuições, torna pública a realização de Concurso Público da Prefeitura Municipal de Itaituba, destinado ao preenchimento de vagas do

quadro de pessoal efetivo de nível superior, nível médio e nível fundamental completo, mediante

as condições estabelecidas neste Edital (edital com as alterações). Totalizando, no geral, 601 vagas. 

Período de inscrição de 18h do dia 24 de outubro de 2013 até às 23h59 do dia 02 de dezembro de 2013, horário de Belém-PA.

DA INSCRIÇÃO

Será admitida somente a inscrição online (via Internet) no endereço eletrônico

 
DOS VALORES DAS TAXAS DE INSCRIÇÕES

O valor da taxa de inscrição, a ser paga pelo candidato, aos respectivos cargos é o seguinte:

R$ 40,00 para os cargos cuja escolaridade exigida seja o nível fundamental completo;

R$ 50,00 para os cargos cuja escolaridade exigida seja o nível médio;

R$ 60,00 para os cargos cuja escolaridade exigida seja o nível superior.

Realização da prova

As provas objetivas terão a duração de 04 horas e serão aplicadas na data prevista de 26 de janeiro de 2014, nos turnos:
MANHÃ, das 8 às 12h (horário local), para todos os cargos de Nível Médio e Nível Superior.
TARDE, das 14h30min às 18h30min (horário local), para todos os cargos de Nível Fundamental completo. Desta forma o candidato poderá se inscrever, separadamente, e realizar as provas objetivas nos dois períodos, para cargos de nível de escolaridade em horários de provas diferentes.
 

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Leilão da rodovia BR-163 (MT) está garantido para este ano, diz Gleisi


A ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffman, disse nesta quarta-feira (23) em audiência pública no Senado, que o governo vai licitar até o fim do ano as rodovias BR-163 (MT) e BR-060/153/262 (MG/GO/DF).

Ela afirmou ainda que espera licitar também a BR-163 (MS) até o fim do ano, mas depende do TCU liberar os estudos dessa rodovia que foram modificados recentemente, o que só deve ocorrer em novembro.

"[Governo deve manter participação da Infraero nos aeroportos, afirma Gleisi]":

Mas, segundo ela, outra rodovia que o governo pretende conceder pelo modelo atual, a BR-040 (DF/MG), não deverá mais ter leilão este ano. Segundo ela, os estudos da concessão dessa rodovia só deverá ser liberado pelo TCU (Tribunal de Contas da União) em dezembro, o que impediria a realização da concorrência ainda em 2013.

Em relação a outras quatro rodovias que estão previstas no programa de concessões, Gleisi afirmou que a concessão delas vai depender do custo do pedágio teto que será colocado com os parâmetros atuais usados pelo governo. Segundo ela, se esse valor for muito alto, o governo poderá fazer uma concessão patrocinada ou obra pública.

Gleisi defendeu que o governo não está mudando modelos ou regras jurídicas dos leilões, apenas fazendo adequações para melhorar a atratividade das concorrências.

A ministra também defendeu os modelos de concessão dos portos e das ferrovias, que ainda não têm leilões marcados.
Fonte: Folha de S Paulo
≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Jovem da noite itaitubense, Boboya, é assassinado em Itaituba



O acusado foi preso na tarde de ontem (21/11) por uma equipe da Policia Civil comandada pelo delegado Alexandro Napoleão no município de Oriximiná e está destino a Itaituba numa viatura com os policiais.

 
Veiculo do acusado foi encontrado
 

O caso segue com poucas informações, por parte da Polícia Civil, que vem investigando o caso. Nem mesmo a decretação da prisão à   justiça teria, até o momento, sido pedida pelo encarregado do inquérito, o que torna inviável a sua prisão, pois já se passaram vários dias da prática do crime. Ontem o delegado Alexandro Napoleão divulgou na página dele no face book fotos do veículo do acusado encontrado no último sábado, 26/10, a 60 km de Itaituba, que se encontra no pátio da seccional  de Itaituba, mas não teria dado detalhes para não atrapalhar as investigações.
 
Leandro Coelho - suspeito
  Por volta da 21h30" já corria pela cidade a notícia da morte de "Boboya", Antônio Rhaydson Feitosa Costa, 23 anos.  Dizem que o crime teria como motivação  uma garota, que tinha deixado o acusado, Leandro, a pouco tempo.
"Boboya"
Por volta de 23h00' ainda era grande a movimentação nas ruas próximo ao hospital municipal, mesmo o corpo não estando mais lá, onde se comentava que o acusado do homicídio teria sido também morto por parentes da vítima, fato não confirmado pela polícia. O acusado tomou rumo, até o momento, ignorado. Nem o carro do acusado teria sido encontrado.

Sendo aguardado, agora, o pedido do delegado que preside o inquérito da prisão preventiva de Leandro para que a polícia possa prende-lo, caso o encontre e evitar que ele se apresente e responda em liberdade pelo assassinato.
 
 
 
 
 
 
 
 ≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba
 

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Policiais militares fazem carreata em direção à Assembleia de SP

Policiais militares fazem uma carreata na tarde desta terça-feira em um protesto contra o aumento salarial de 7% anunciado pelo governo paulista. Por volta das 15h50, o grupo seguia em cerca de 20 ônibus pela avenida 23 de Maio, que estava fechada na altura do viaduto Tutóia, no sentido aeroporto.
Os policiais seguirão até a Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo), na região do Ibirapuera, onde deve acompanhar a votação do projeto que estabelece aumento dos PMs. A categoria não aceita o percentual anunciado pelo governo e reivindica reajuste salarial de 15%, segundo a a Associação de Cabos e Soldados.
O protesto dessa terça-feira teve início no começo da tarde, na avenida Marquês de São Vicente, de onde o grupo saiu em carreata. O ato acontece de forma pacífica.
Os PMs também reclamam do aumento de 10,5% dado apenas para a Polícia Civil, o que, segundo a categoria, quebra da paridade entre as polícias. Após pressão, o governo anunciou na semana passada uma série de medidas para valorização da carreira, mas os PMs apontam que não aborda a questão salarial.
Fonte: Folha de S paulo
≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Trecho das Rodovias Transamazônica e Santarém-Cuiabá está interditado

23/10
A estrada está liberada desde o final da tarde de ontem.
Por volta das 18h00" os manifestantes liberaram o trecho interditado, mas ainda estavam, naquele momento, avaliando se voltariam a interditar hoje às 18h00". 
 

Os manifestantes bloquearam as rodovias em um ponto em que elas se confundem, a 32 quilômetros de Itaituba, direção à Rurópolis 


 

Sindicato dos Trabalhadores rurais de Itaituba, em assembleia realizada na noite deste domingo no ginásio da comunidade do km 25, onde estão acampados desde o dia de hoje, decidiram fechar a BR 230 na altura do km 32, próximo a ponte  Igarapé Preto, a partir das 05h00min desta segunda feira, por tempo indeterminado ou até que suas reivindicações sejam atendidas: um posto do INCRA em Itaituba e expansão do Programas Luz para Todos.   As viagens para o Mato Grosso estão normais até o momento.






 
agradecimentos  aos amigos do DPM de Campo Verde  ≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba
 

domingo, 20 de outubro de 2013

Perseguição da PRF na Transamazônica termina com tiro em pneu da moto na 34ª rua

A perseguição que teve início na BR-230 terminou na 34ª rua, quando o pneu da moto foi alvejado por disparo de arma. No final deu certo, mas poderia terminar em tragédia, pois tanto os motoqueiros quanto a viatura da PRF, estavam correndo de forma perigosa pela rodovia esburacada e por parte da 34ª rua do bairro Santo Antônio. O fato chamou a atenção de muitos curiosos.
 
 
 
≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba

sábado, 19 de outubro de 2013

Funcionários do Banpará retornam na segunda e comemoram conquistas

Depois de 30 dias em greve, funcionários do Banpará voltam ao trabalho nesta segunda-feira (21). A categoria decidiu retomar as atividades em uma assembleia geral realizada na tarde de ontem, na sede do Sindicato dos Bancários.
O Sindicato dos Bancários informou que os trabalhadores do Banco da Amazônia continuam em greve. A categoria vai realizar um ato na próxima segunda-feira, em frente à agência da avenida Presidente Vargas, a partir das 8h. A intenção dos bancários é retomar as negociações
 

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

PM que baleou ladrão de moto recebe a honraria mais alta da corporação


O policial militar que deu dois tiros em um assaltante no último sábado (12) na Penha, zona leste de São Paulo, foi condecorado com a medalha Láurea de Mérito Pessoal em 1º Grau. Esse é o grau mais alto de honraria que a PM concede a profissionais que se destacam em atos de bravura.
O oficial está afastado por alguns dias devido a uma cirurgia que já estava marcada. Ele continua exercendo suas funções na corporação e não sofreu nenhuma punição.
Em nota, a Polícia Militar disse que "as imagens mostram uma ação legítima, praticada segundo o procedimento operacional padrão e a postura do oficial em seu horário de folga, pondo em risco a própria vida, demonstra profissionalismo e devoção à causa pública".
Em entrevista à rádio Bandeirantes, o oficial que pediu para não ser identificado, disse que a ação foi bem sucedida pois reduziu a possibilidade de resistência do assaltante. O policial disse que só reagiu e atirou no bandido quando "ele resistiu e tentou tirar a arma da cintura".
Assista ao vídeo (atenção, há imagens fortes!)
Reprodução
Assaltante aponta arma para vítima que teria sua moto roubada; policial que voltava do trabalho impediu o crime na zona leste de SP
Assaltante aponta arma para vítima que teria sua moto roubada; policial que voltava do trabalho impediu o crime na zona leste de SP
O CRIME
O vigilante se dirigia ao Salão Duas Rodas, que acontecia no Anhembi, zona norte da capital, quando foi abordado por dois homens no cruzamento das Doutor Assis Ribeiro e Gabriela Mistral, na Penha. O crime ocorreu por volta das 15h de sábado (12).
Leonardo Santos estava na garupa de uma Honda Twister vermelha. No vídeo é possível ver que ele aponta uma arma para a vítima e exige que ele entregue o veículo.
Em seguida, Santos sobe na moto e guarda a arma na cintura. Segundo a Polícia Civil, um policial militar fardado, que estava parado no sentido oposto da via, dá voz de prisão aos assaltantes.
Ao ver o policial, o assaltante põe a mão na cintura e aponta o revólver calibre 38 para o PM, que reagiu fazendo dois disparos contra ele.
Em nota, a Polícia Militar informou que "a análise preliminar do vídeo sugere que a ação do policial militar foi legítima e correta, com a observância das técnicas policiais. No vídeo de 2 minutos e 13 segundos, aos 59 segundos é possível ver nitidamente que o assaltante apontou sua arma em direção ao PM".
A corporação disse que o policial "demonstrou preparo e compromisso com a causa pública, defendendo a sociedade de criminosos violentos".
Fonte: Folha de S Paulo

Em revista no centro de recuperação de Itaituba vários celulares e artefatos são encontrados

Numa revista realizada ontem pela manhã pelo GTO, ao comando do sargento João Luiz, foram encontrados cinco celulares e vários estoques utilizados para ameaçarem os companheiros de cárcere e aos agentes.



quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Lojas Americanas aluga pontos em Itaituba

Nota do blog do Jota Parente do dia 15/10

imagem meramente ilustrativa
Um empresário informou ao blog, na manhã de hoje, que dois pontos comerciais de propriedade do empresário Valmir Climaco, na Travessa Victor Campos, foram alugados.
E quem alugou, foi nada menos que a conhecida cadeia de lojas, Lojas Americana.
Não se sabe, por enquanto, quando a empresa abrirá suas portas em Itaituba.
http://jotaparente.blogspot.com.br/2013/10/lojas-americanas-aluga-pontos-em.html

Seria, certamente, muito bom para Itaituba, tanto para os consumidores quanto para o mercado de trabalho local, mas esta loja que faz parte de um grande grupo de empresas que usam fortemente a internet para comercializar seu produtos,
deixou no final do mês de julho de efetuar vendas para o nosso município. E ao meu ver, deveria dar uma explicação da razão dessa decisão aos consumidores daqui, mas nunca o fez. E se ela não realiza vendas para nossa cidade, teria interesse em se instalar aqui.
  

Senado aprova novas regras para criação de municípios

Agência Senado

O Plenário do Senado aprovou, nesta quarta-feira (16), o texto substitutivo aprovado pela Câmara dos Deputados ao Projeto de Lei Complementar do Senado (PLS-Comp) 98/2002, que estipula novas regras para a criação, incorporação, fusão e desmembramento de municípios. O projeto, de autoria do senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR), foi aprovado com 53 votos a favor, 5 contrários e 3 abstenções.
O relator da matéria na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), senador Valdir Raupp (PMDB-RO), apresentou requerimento para votar em separado dois incisos que, explicou, proíbem a criação de municípios em áreas indígenas, de preservação ambiental e da União. As modificações, ressaltou, foram frutos de negociação com as lideranças do governo. O projeto segue agora para a sanção presidencial.
Durante a discussão da proposta em Plenário, o autor disse que a imprensa tem feito uma leitura equivocada do projeto, ao dizer que ele irá aumentar os gastos públicos. Mozarildo afirmou que, caso a lei que propôs estivesse em vigor há dez anos, 2,8 mil municípios não teriam sido criados. Lembrou que, pela primeira vez, é exigido um estudo de viabilidade tanto do município a ser criado quanto do que será desmembrado.
O substitutivo da Câmara condiciona a criação, incorporação, fusão e desmembramento de municípios à realização de Estudo de Viabilidade Municipal (EVM) e de plebiscito junto às populações dos municípios envolvidos. Com a nova lei, as assembleias legislativas do país voltam a examinar a criação de novos municípios, o que não ocorria há 17 anos.
Como reação à excessiva multiplicação de entes federativos municipais em passado recente, alguns sem as mínimas condições econômicas de funcionamento, o Congresso Nacional aprovou a Emenda Constitucional nº 15, de 1996, que interrompeu a chamada “farra dos municípios”. O projeto de Mozarildo visa regulamentar essa emenda.
O parecer da CCJ ao substitutivo aprovado pela Câmara concorda com todas as alterações e acréscimos da daquela Casa ao projeto original, exceto em relação aos destaques já citados. Para a instalação de municípios em áreas de propriedade da União, de suas autarquias e fundações será necessário uma prévia autorização da União.
Principais tópicos
Entre outros pontos, a proposta estabelece:
- a criação, incorporação, fusão ou desmembramento só poderá ocorrer no período compreendido entre a posse do prefeito até o último dia do ano anterior ao pleito municipal;
- qualquer uma dessas ações terá início mediante requerimento endereçado à respectiva assembleia legislativa. O requerimento deverá ser subscrito por 20% dos eleitores residentes na área geográfica diretamente afetada, no caso de criação ou desmembramento, ou 10%, no caso de fusão ou incorporação;
- o cadastro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) será a base de cálculo para o número de eleitores necessários à admissibilidade dos requerimentos de alteração de fronteiras político-administrativas;
- tanto o município a ser criado quanto o município preexistente terão de ter população igual ou superior ao mínimo regional. O substitutivo propõe as regras para esse cálculo, uma para Norte e Centro-Oeste, outra para Nordeste e outra para Sul e Sudeste;
- o número mínimo de imóveis existentes no núcleo urbano do novo município deverá abrigar pelo menos 20% das famílias residentes no núcleo urbano original;
- os pré-requisitos populacional e imobiliário serão indispensáveis para a realização do EVM;
- o estudo de viabilidade deverá abordar as viabilidades econômico-financeira, político-administrativa, socioambiental e urbana, tanto do município preexistente quanto do município a ser criado;
- a viabilidade econômico-financeira envolverá receitas de arrecadação própria, receitas de transferências federais e estaduais, despesas com pessoal, custeio e investimentos, dívidas vencíveis e restos a pagar e resultado primário, relativos aos três anos anteriores ao da realização do EVM, além de serem atestados pelo tribunal de contas competente;
- o EVM também deverá conter estimativas de receitas e despesas referentes à possibilidade do cumprimento de aplicação dos mínimos constitucionais em educação e saúde, como também a outros “serviços públicos de interesse local” e ao cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal;
- a viabilidade político-administrativa envolverá estimativas sobre o número de vereadores do futuro município e o número de servidores necessários para os Poderes Executivo e Legislativo municipais;
- a viabilidade socioambiental e urbana deverá conter levantamento dos passivos e dos potenciais impactos ambientais;
- são criadas diretrizes para o estabelecimento dos limites geográficos dos municípios, que deverão ser preferencialmente estabelecidos por acidentes físicos, naturais e/ou artificiais;
- a viabilidade socioambiental também abordará redes de abastecimento de água, esgotamento sanitário e de manejo de águas pluviais; perspectiva de crescimento demográfico; estimativa de crescimento da produção de resíduos sólidos, líquidos ou gasosos de indústrias e residências; percentual de unidades de conservação e de áreas indígenas, quilombolas ou militares e proposta de compartilhamento dos recursos hídricos e da malha viária comum;
- o EVM deverá ser realizado no prazo de 180 dias e terá validade de 24 meses após sua conclusão;
- a Assembleia Legislativa terá de dar ampla divulgação ao EVM por 120 dias, inclusive pela internet, diário oficial estadual e jornal de grande circulação, e realizar pelo menos uma audiência pública em cada um dos núcleos urbanos envolvidos, para esclarecimento da população. Qualquer pessoa física ou jurídica poderá pedir a impugnação do EVM nesse prazo, caso verifique desrespeito às regras. As eventuais impugnações serão decididas pela assembleia legislativa;
- depois de aprovado e homologado o EVM, a assembleia pedirá ao Tribunal Regional Eleitoral a realização do plebiscito para consultar as populações dos municípios envolvidos. O plebiscito ocorrerá, preferencialmente, junto às eleições seguintes;
- se o plebiscito for pela rejeição, ficará vedada a realização de novo plebiscito para o mesmo fim no prazo de dez anos;
- se o plebiscito for pela aprovação, a assembleia votará projeto de lei definindo nome, sede, limites geográficos, comarca judiciária, limites dos respectivos distritos e forma de absorção e aproveitamento de servidores públicos;
- não poderá ser criado município com nome idêntico ao de outro que já exista;
- depois de aprovada a lei estadual, a eleição de prefeito, vice-prefeito e vereadores ocorrerá no pleito municipal imediatamente subsequente. A instalação do município se dará com a posse dos eleitos;
- também há um rol de providências a serem tomadas pela prefeitura e pela câmara municipal após a posse de seus mandatários, como a execução orçamentária e a organização administrativa. O novo município também deverá indenizar o município de origem pelas dívidas contraídas para a execução de investimentos em seu território.
Discussão
Vários outros senadores se manifestaram durante a discussão da proposta. O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) pediu a designação de relator, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), para o Projeto de Lei do Senado (PLS) 509/2011, de sua autoria, que determina, entre outros, que toda a população do estado seja ouvida em plebiscito para a criação de novos municípios.
A senadora Ana Amélia (PP-RS) elogiou o texto, que estipula critérios claros para a criação de novos municípios, tendo citado o limite mínimo de 12 mil habitantes. Já o senador Inácio Arruda (PCdoB-CE) afirmou que a proposta traz regras mais rígidas para a criação dos novos municípios.
A senadora Lídice da Mata (PSB-BA) disse que a proposta fará com que se garanta efetivamente um processo que leve em conta a capacidade econômica e financeira de cada município a ser criado. Estimou que não mais de duas dezenas de distritos estejam hoje em condição de se emancipar.
O senador Blairo Maggi (PR-MT) lembrou que muitos distritos mato-grossenses ficam a mais de 400 quilômetros da sede de seus municípios. Para ele, é inconcebível que os parlamentares deixem perdurar uma situação como essa. O senador Humberto Costa (PT-PE) concordou que a proposta supre uma lacuna na legislação.
O senador Sérgio Souza (PMDB-PR) afirmou que a vida dos cidadãos nos municípios desmembrados no Paraná melhorou muito, sem que tenha havido o temido aumento de impostos.
O senador Mário Couto (PSDB-PA) informou que o distrito de Castelo dos Sonhos dista 1.100 quilômetros da sede do município de Altamira. O senador Jader Barbalho (PMDB-PA) também comentou as inconcebíveis distâncias de distritos paraenses das sedes de seus municípios.
Também manifestaram apoio à proposta, ao autor e ao relator os senadores Lúcia Vânia (PSDB-GO), Gim (PTB-DF), Eduardo Amorim (PSC-SE), Osvaldo Sobrinho (PTB-MT), Wellington Dias (PT-PI) e Antonio Carlos Valadares (PSB-SE).
http://www.jb.com.br/pais/noticias/2013/10/16/senado-aprova-novas-regras-para-criacao-de-municipios/


quarta-feira, 16 de outubro de 2013

PM prende suspeito de tráfico de droga na "cracolândia" itaitubense

Na madrugada de hoje, por volt das 03h00, uma guarnição da Polícia Militar, cabos Claudenes e Almeida e Sd Miguel, passavam na avenida Nova de Santana pela travessa João Pessoa, quando perceberam um motoqueiro tentando fugir e deixar a moto apagar. Abordaram o condutor e este não respondia às perguntas, apenas resmungava, aham, uhum e despertou a suspeita dos policiais que mandaram ele abrir a boca e descobriram que o cidadão estava com vários papelotes de entorpecente dentro dela, precisamente catorze "petecas" de possivelmente "crack" . O acusado foi identificado por Silvanei Souza dos Anjos, de 38 anos de idade, residente na vila Nova. Ele foi conduzido e apresentado na 19ª Seccional da polícia civil. 
 

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Repórter tira carteira de identidade em 9 Estados

REYNALDO TUROLLO JR. ENVIADO ESPECIAL AOS ESTADOS DE AL, ES, MS, PB, RN, AC, RO, RS E MG

A lei criada em 1997 para unificar a emissão de carteiras de identidade no país nunca saiu do papel, omissão do governo federal que permite a uma mesma pessoa ter um RG em cada Estado.
Ou seja: um mesmo nome, mas 27 documentos com numerações diferentes.
Ministério da Justiça não se pronuncia sobre cadastro nacional
Reportagem sobre RG foi acompanhada pela área jurídica da Folha
Certidão e paciência para enfrentar filas são os pré-requisitos para tirar o RG
E essa mesma pessoa pode ainda tirar facilmente um RG com a própria foto e outro nome, prática que serve de base a uma série de crimes.
A Folha encontrou essas brechas em apuração iniciada em janeiro deste ano.
O mesmo repórter, com RG original de SP, viajou a oito capitais e, em cada uma delas, fez uma nova carteira.
Editoria de arte/Folhapress
Clique na imagem para ver o infográfico
Clique na imagem para ver o infográfico
Foi assim em Vitória, Campo Grande, Maceió, João Pessoa, Natal, Rio Branco, Porto Velho e Porto Alegre.
Ter um RG em cada Estado é possível porque a emissão dos documentos é estadual, e os institutos de identificação não trocam informações.
Previsto em lei desde 1997 para corrigir essa falha, um cadastro nacional de identidades, que deveria armazenar eletronicamente dados de todas as pessoas, nunca saiu do papel, embora tenha sido anunciado pelo ex-presidente Lula em dezembro de 2010.
Atualmente o único requisito para fazer um RG é a apresentação da certidão de nascimento ou de casamento.
A falta de um sistema que reconheça digitais coletadas em outros Estados permitiu ao repórter fazer em Belo Horizonte um RG com sua foto e suas digitais, mas com o nome de um colega do jornal.
Expedido por órgão oficial, o documento com o nome incorreto é válido e revela a brecha. Basta que o fraudador tenha certidão de nascimento ou casamento.
Para corrigir as falhas existentes, o governo federal anunciou em 2010 a implantação do RIC (Registro de Identidade Civil), um cartão com chip para substituir o atual RG em até dez anos.
O projeto, porém, empacou. Um contrato com a Casa da Moeda para emissão de 2 milhões de RICs, ao custo de R$ 90 milhões, fracassou. Foram produzidos apenas 14 mil cartões, e só 52 estão válidos.
O RIC teve de ser "redesenhado" em 2012. Foi previsto um custo de R$ 6 bilhões em 12 anos. Decisões sobre onde ficará o cadastro nacional de identidades e qual tecnologia será usada nunca foram tomadas, porque aguardam decisão do Palácio do Planalto. 
Fonte: folha de S Paulo

domingo, 13 de outubro de 2013

Ensino superior público fica mais caro e privilegia inclusão, não competição

A estadual USP (Universidade de São Paulo), que acaba de perder pelo menos 68 colocações no principal ranking universitário internacional, é tida quase consensualmente como a melhor instituição de ensino superior brasileira; ninguém discute que, na média, as faculdades privadas são muito piores que as públicas no país.
Trata-se, na prática, de um mercado com muitos participantes e pouca competição: a quase totalidade das instituições privadas se conforma em abrigar os alunos menos afortunados, enquanto as federais, estaduais e municipais são repartições públicas onde a estabilidade no emprego está garantida independentemente do desempenho.
Isso não quer dizer que não tenha havido evolução no ensino superior do Brasil nos últimos anos. O foco das transformações, no entanto, foi a quantidade _ou, numa expressão mais otimista, a inclusão.
Com expansão da rede pública e subsídios à rede privada, a política de educação superior elevou o número de matrículas presenciais de 3,5 milhões, em 2002, para 5,7 milhões em 2011, segundo o último censo do setor. Nas universidades públicas, de 1,1 milhão para 1,6 milhão.
É muito pouco: significa apenas 14,7% dos jovens entre 18 e 24 anos frequentando o ensino superior, enquanto as metas oficiais falam em mais de 30%. Com tanta gente a ser posta para dentro do sistema, as exigências de qualidade ficam em segundo plano. O crescimento se dá por cotas raciais e sociais, cursos noturnos, ensino à distância.
O gasto público no setor cresceu, no período, de 0,8% para 0,9% do Produto Interno Bruto, ou seja, de toda a renda nacional. Em termos mais palpáveis, cada aluno custava R$ 20,7 mil em 2011, contra R$ 16,9 mil em 2002, em valores corrigidos.
O número de professores aumentou ainda mais que o de alunos, de 92 mil para 151 mil vagas docentes na rede pública. Esse contingente forma uma das categorias mais mobilizadas e influentes do serviço público, ainda mais com a generalização das eleições para reitor _que acaba por atrelar a administração das universidades aos interesses da corporação.
Fonte: http://dinheiropublico.blogfolha.uol.com.br/

Endividado poderá limpar o nome pela internet

Os endividados terão a oportunidade de limpar o nome com a ajuda da internet, em uma iniciativa inédita de duas das principais empresas de informações financeiras do país, a Serasa Experian e a Boa Vista Serviços, administradora do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito).
Para negociar as dívidas, basta acessar os portais das duas empresas, fazer o cadastro e consultar a situação do CPF. No caso da Serasa, o feirão começa na próxima segunda-feira (14) e vai até o dia 20. Cerca de 30 empresas participam do evento, entre elas os bancos Panamericano, Bradesco e Santander, além de empresas de cartões de crédito como Hipercard e Itaucard e financeiras como Losango e Omni Financeira.
Já o mutirão da Boa Vista vai até 14 de dezembro e reunirá empresas de telecomunicações, bancos e de varejo.
Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2013/10/1355533-endividado-podera-limpar-o-nome-pela-internet.shtml

sábado, 12 de outubro de 2013

Bancários do Pará decidem continuar em greve

Bancários do Pará decidem continuar em greve  (Foto: Reprodução)
Depois de 26 dias em greve, funcionários dos bancos privados e os da Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil retomam as atividades na manhã de hoje.
Em assembleia geral realizada na noite de ontem, os bancários aceitaram a proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban).
Com o fim da greve, cerca de quatro mil bancários voltam ao trabalho e aproximadamente 300 agências reabrem para as atividades, segundo o Sindicato dos Bancários do Pará. No Banco da Amazônia e no Banpará, porém, cerca de dois mil bancários não
avançaram com as negociações. Eles continuam em
greve por tempo indeterminado e aproximadamente 80 agências continuam fechadas, ainda segundo o sindicato.
De acordo com a presidente do Sindicato dos Bancários, Rosalina Amorim, a categoria aceitou a proposta da Fenaban e, depois de uma reunião, encerrou a greve. “Entre os principais avanços estão o piso salarial, a Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e a compensação dos dias parados em uma hora diária a mais, até o dia 15 de dezembro, já que antes a proposta era de duas horas diárias até 180 dias”. 
Rosalina ressaltou que a categoria não avançou para o fim da greve do Banco da Amazônia e do Banpará. “A proposta foi insuficiente e as negociações não avançaram nas pautas específicas. Com isso, os funcionários desses dois bancos continuam em greve por tempo indeterminado. Mas vai ser enviada uma carta para a direção dos bancos para que aconteçam novas negociações”. 
REIVINDICAÇÕES 
A categoria pede reajuste salarial de 11,9% (5% de aumento real mais inflação projetada de 6,6%), piso de R$ 2.860,21 (de acordo com o salário mínimo do Dieese), auxílio alimentação, refeição, cesta e auxílio-creche/babá de R$ 678 ao mês. Os bancários também pedem mais contratações, prevenção contra assaltos e sequestros.

 

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Major Verissimo, que trabalhou no 15° BPM, morreu em acidente de carro


O major Veríssimo trabalhou em Itaituba e em Santarém durante um longo período.

A morte do major da PM Márcio Veríssimo Valino Gomes, 41 anos de idade, que tinha 20 anos na Polícia Militar e atualmente coordenava o Centro Integrado de Operações (Ciop), foi confirmada na tarde desta sexta-feira (11). Ele faleceu em um acidente, por volta das 8h30, na estrada que dá acesso ao município de Magalhães Barata, nordeste paraense. O corpo do Major , está sendo velado, neste sábado (12), na capela da igreja dos Capuchinhos, em Belém. O velório deve acontecer até as 14h.
De acordo com o Centro Integrado de Operações, Ciop, após a saída da capela, o cortejo com o corpo do major seguirá para um cemitério particular do município de Marituba, Região Metropolitana de Belém, onde será sepultado e receberá uma homenagem com salva de tiros prestada por homens da PM.
com informações do Diário Online

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

DETRAN ESTÁ AFASTADO DAS RUAS EM ITAITUBA POR FALTA DE VIATURA

As informações dadas pelo órgão é que essa ausência de agentes de transito nas ruas de Itaituba está ocorrendo pela falta de liberação de recursos para manutenção das viaturas. Que ainda estão aguardando liberação para a manutenção e que só após isso ocorrer é que os agentes retornaram às suas atividades normais. As duas viaturas do órgão estão no pátio do órgão quebradas.
O mais absurdo de tudo isso é que hoje o DETRAN é o segundo órgão do Governo do Estado do Pará que mais arrecada. E a pergunta que fica é: pra onde vai esse recurso?
Onde está sendo investido?
Fontes nos informaram que o Detran do Pará sustenta hoje pelo menos três secretarias que não tem nenhuma ligação com o órgão.


POLICIA MILITAR DO PPD DE CAMPO VERDE APREENDE MOTO FURTADA

Na manhã desta quinta feira o sargento Odenilson apresentou na Seccional de Itaituba Antônio José Alves de Carvalho,  por ser encontrado naquele distrito pela guarnição dos cabos Costa Maia, Otacy e soldado Jesus de posse da moto Pop, placa  NSX 5781, produto de furto  do município de Rurópolis.
 
≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba

MEC vai criar universidade federal de educação a distância


O ministro Aloizio Mercadante (Educação) afirmou nesta segunda-feira (17) que a pasta deve enviar ao Congresso Nacional projeto de lei para criação da primeira universidade federal de educação a distância.
Hoje, o investimento do governo federal na modalidade se resume à UAB (Universidade Aberta do Brasil), criada em 2005 com foco na formação de professores de educação básica. A instituição oferta hoje cursos de licenciatura e administração. Segundo Mercadante, essas matrículas seriam absorvidas com a criação da nova universidade.
"Cada curso de cada universidade poderá ser ofertado na universidade federal de educação a distância. Então, [o curso de] engenharia na Universidade Federal do Rio Grande do Sul pode ser ofertado como sendo também curso a distância", disse.
Mercadante ressaltou que enquanto no Brasil cerca de 15% dos estudantes do ensino superior estudam nessa modalidade, entre os países da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico) esse percentual chega a 50%.
"O Brasil é um dos poucos países que não tem uma universidade nacional pública a distância", disse o secretário Paulo Speller (Educação Superior), citando como exemplo países como Inglaterra, Espanha e Portugal.
Segundo ele, cursos como direito e algumas engenharias poderão ser ofertadas na nova instituição.
A intenção é encaminhar a proposta ao Legislativo em agosto e, assim, aumentar a capacidade de absorção da demanda por ensino superior no país. Segundo Mercadante, a nova universidade irá absorver as matrículas da UAB, em torno de 250 mil.
"Não há como atender o tamanho da demanda se não for por educação a distância e essa é a prioridade do MEC", disse o ministro.
Fonte: Folha de S Paulo
≤≥ blog RPI /rota policial de Itaituba